tfionline Faça seu login

Outubro 1, 2013

Provações São Benéficas

Uma compilação

Se por um lado, “muitas são as aflições do justo,”[1] por outro é reconfortante saber que “todas as coisas contribuem juntamente par ao bem daqueles que amam o Senhor, daqueles que são chamados segundo o seu decreto”.[2] Na verdade, para conseguirmos superar nossas muitas provas, provações, dificuldades, e tentações, é de suma importância incluir em nossas vidas esta vital promessa em Romanos 8:28.

Se não passarmos os acontecimentos do nosso dia a dia pelo crivo de Romanos 8:28, se não observarmos constantemente nossos desapontamentos, mágoas, provas, doenças, adversidades, à luz de Romanos 8:28, sinto dizer que deixaremos de aprender muitas e valiosas lições que o Senhor quer nos ensinar. Além disso, deixaremos de sentir a paz resultante da confiança nessa preciosa promessa e princípio.

Seaprendermos a simples equação: "provações = bem," teremos uma vida mais rica, aprenderemos maiores lições, sentiremos paz, e será mais fácil reconhecer a mão do Senhor em tudo que nos acontece. Faz uma grande diferença quando encaramos um dilúvio de problemas, batalhas, e tribulações esperando pelo pior, ou se encaramos essas dificuldades como desafios procurando descobrir tudo de bem que o Senhor vai gerar por meio disso. —Maria Fontaine

*

Deus frequentemente faz Suas melhores obras às ocultas. Ele não nos permite provações a esmo… Ele não permite batalhas aleatoriamente… Toda dificuldade foi desenhada por Deus para o nosso bem. Elas são o forno que Deus usa para nos moldar. Nós somos o barro, e Ele o grande oleiro.

O que Deus pode fazer de bem fora das nossas vistas? Seguem-se alguns dos milhares de resultados obtidos por Deus.

 

Ele nos faz depender dEle.

De fato, já tínhamos sobre nós a sentença de morte, para que não confiássemos em nós mesmos, mas em Deus, que ressuscita os mortos. —2 Coríntios 1:9 NVI

Batalhas e provações nos lembram da realidade de que dependemos desesperadamente de Deus. Não conseguimos agir separados de Deus. Não chegaremos ao Céu sem a graça do Deus que nos mantém e ressuscita. Deus nos deixar passar por dificuldades para reduzir nossa autoconfiança e aumentar nossa confiança nEle.

 

Ele gera perseverança.

Meus irmãos, considerem motivo de grande alegria o fato de passarem por diversas provações, pois vocês sabem que a prova da sua fé produz perseverança.—Tiago 1:2–3 NVI

Se não perseverarmos… seremos como uma semente que germina rapidamente mas não tem raiz. A nossa vida será sufocada pelos cuidados deste mundo. Deus quer que tenhamos uma fé constante e perseverante que não se deixa abalar facilmente pelas provações e dificuldades. As provações amadurecem a nossa fé e produzem perseverança.

 

Ele nos capacita a consolarmos a outros.

Bendito seja o Deus e Pai de nosso Senhor Jesus Cristo, Pai das misericórdias e Deus de toda consolação, que nos consola em todas as nossas tribulações, para que, com a consolação que recebemos de Deus, possamos consolar os que estão passando por tribulações. —2 Coríntios ­­­1:3–4 NVI

Quando passamos por dificuldades, sentimos o consolo de Deus de uma maneira ímpar. E conforme esse consolo permeia nossas vidas, também nos prepara para consolarmos a outros. Se não recebêssemos esse consolo de Deus, não teríamos condições de consolar outros. As dificuldades nos capacitam a consolar a outros.—Stephen Altrogge[3]

*

Nenhum de nós vai conseguir amadurecer sem o calor das batalhas. Assim como o sicômoro tem que ser machucado para amadurecer, e a espiga precisa ser debulhada para chegarmos ao grão de milho, e assim como o trigo não produz farinha se não passar pelo moinho, também nós não teremos muita utilidade sem antes sermos afligidos. Por que haveríamos de querer perder esses benefícios? Teremos que esperar com paciência, dizendo: “Seja feita a vontade do Senhor”. Ele esperou para nos dar a graça; então devemos esperar para Lhe dar a glória. —Charles Spurgeon

*

Confiarei mesmo que minhas embarcações
Retornem do mar devastadas;
Confiarei na infalibilidade de Deus,
Sabendo que o mal redundará em bem;
Ainda que desolado com a perda material,
Clamarei com o coração sempre leal:
“Em Ti eu confio!”

Confiarei mesmo que grande o pesar,
E avassalado por problemas;
Confiarei nas metas que desejo alcançar,
Impelido pela angústia e dor;
Ainda que tremendo com o peso da cruz,
Eu sei que as perdas trazem luz,
E vitória ainda maior!
—Ella Wheeler Wilcox

*

Nenhum médico jamais receitou um remédio com tanta exatidão como Deus dosa cada provação. Ele nunca erra na fórmula. —Henry Ward Beecher

*

Dificuldades, provas, quebrantamentos, mágoas, sofrimento e desapontamentos são causados por muitas coisas e ocorrem por diferentes razões. Mas não importa a sua origem, você pode ficar tranquilo na certeza de que todas as coisas contribuem juntamente para o bem daqueles que Me amam. Como você Me ama, posso transformar essas batalhas em bênçãos.

Se pudesse ver como Eu vejo — além de hoje, além deste momento e do sofrimento — entenderia melhor por que as batalhas equivalem a bênçãos. Entenderia melhor por que esta perda, esta dor no seu coração, este período de grande tentação e provação com o tempo se transformará em bênção.

O segredo para entender, a chave para entender, está na questão “tempo”. Se tiver fé que Eu atuo na sua vida e que todas as coisas contribuem juntamente para o bem, com o tempo, aquilo no qual acredita por fé, passará a entender e ver, e se tornará realidade em sua vida. —Jesus, falando em profecia

*

O meu bem mais valioso é um colete salva-vidas que uso para navegar no mar da vida. Se, ao contemplar o horizonte, percebo nuvens escuras, coloco o meu colete bem firme e fico pronta para enfrentar a implacável tormenta.

Minha pequena embarcação é açoitada pelas fortes ondas que ameaçam encharcar tudo e me afogar. Mas sei que com o meu salva-vidas vou sobreviver. Na verdade, vou fazer bem mais do que isso. Vou me reerguer, talvez exausta e machucada, mas vitoriosa.

Às vezes as tempestades me pegam desprevenida, e a fúria das águas fazem meu barco emborcar, me lançando nas águas geladas. Engasgo, cuspo fora água, pego ar, mas me vejo presa num redemoinho. Quanto mais me esforço mais a água me prende.

Ali, sozinha, indefesa e sentindo-me derrotada, minha esperança só vai se reduzindo e fico aguardando o fim. Afundo mais uma vez e ouço uma Voz saindo da tormenta:

— Agarre o salva-vidas! É a sua única esperança.

Esforçando-me para ver no escuro, percebo algo flutuando e vejo que é o meu salva-vidas — sempre perto quando mais preciso dele. Eu o visto e ele me leva à superfície.

Envolta nas trevas, as ondas espumando me jogam para lá e para cá, ameaçando me afogar. A chuva cortante continua machucando meu rosto, mas estou à tona, confiando, sentindo-me segura com meu salva-vidas e esperando a tempestade amainar.

Quer saber o segredo do meu colete-salva-vidas? É tão simples que você talvez nem dê importância. É o versículo da Bíblia: “Sabemos que todas as coisas contribuem juntamente para o bem daqueles que amam a Deus”[4].

Todas as coisas — tempestades, a chuva e os ventos também — são para o nosso bem.

Um dia, de alguma maneira, vamos entender. —Stellaris Jade 

Publicada no Âncora em outubro 2013. Tradução Hebe Rondon Flandoli.