tfionline Faça seu login

Fevereiro 24, 2022

O Remédio de Deus para a Solidão

Compilação

[God’s Remedy for Loneliness]

Estar sozinho e ser solitário são duas coisas diferentes. Você pode estar só sem sentir-se solitário, e pode ser solitário no meio de uma multidão. ... A sensação de isolamento é muito sentida por aqueles que estão solitários. A palavra hebraica traduzida por “desolado” ou “solitário” no Antigo Testamento significa “alguém só, somente; alguém solitário, abandonado, em condições deploráveis”. Não consigo pensar em nada mais triste do que a ideia de estar sozinho no mundo, sem um amigo, ninguém que se preocupe com você, ninguém que se importe com nada que possa lhe acontecer, de ninguém se importar se você morrer nem derramar uma lágrima sobre o seu túmulo.

Ninguém jamais sentiu-se mais solitário do que Davi. Em uma série de apelos fervorosos, do fundo do coração, Davi clamou a Deus na sua solidão e desespero. Seu próprio filho havia se voltado contra ele, os homens de Israel foram atrás dele e ele foi forçado a fugir da cidade e deixar sua casa e família. Sozinho e aflito,[1] seu único recurso era recorrer a Deus e pleitear a misericórdia e intervenção de Deus,[2] porque Deus era a sua única esperança. …

Seja qual for a causa da solidão, para o cristão a cura sempre é a mesma—o convívio reconfortante com Cristo. … Ele é o “amigo mais chegado do que um irmão”,[3] que dá a Sua vida pelos Seus amigos,[4] e que prometeu nunca nos deixar nem nos abandonar, mas que estará conosco todos os dias, até à consumação dos séculos.[5] Encontramos conforto nas palavras do antigo hino que expressa isso bem melhor: “Os amigos podem falhar, e os inimigos me cercar, Ele estará comigo até o fim. Aleluia, que Salvador!”—GotQuestions.com[6]

*

Jesus, em João 16:32, disse as seguintes palavras: “Vós ... me deixareis só; mas não estou só, porque o Pai está comigo”. Que palavras tão maravilhosas: “Não estou só, porque o Pai está comigo”.

Fiquei admirada ao ler tantas cartas que falam de solidão. Há duas coisas expressas em muitas das cartas, mais do que outras: doença e solidão. Mas esta mensagem de hoje trata da solidão: pessoas que têm uma abundância de tudo, e várias pessoas ao seu redor, contudo por vezes vivem em extrema solidão.

Há uma história de um jovem em um de nossos hotéis que, quando ia tirar sua própria vida saltando da janela do hotel, derrubou uma Bíblia de Gideão da mesa enquanto andava em direção à janela. Ao cair, a Bíblia se abriu. Curioso para ver exatamente o que dizia na página aberta, ele leu este mesmo versículo, “Vós ... me deixareis só; mas não estou só, porque o Pai está comigo”.

Sua esposa o havia deixado, e este versículo bíblico parecia uma mensagem direta para ele. Ele sentou-se e o leu vez após vez: “Mas não estou só, porque o Pai está comigo”. E depois disto quis saber mais sobre o Pai, de modo que leu outras passagens, e assim foi por toda a noite. Que coisa maravilhosa aconteceu; sua vida e sua alma foram milagrosamente salvas.

Este é um tipo de solidão, quando os entes queridos nos são tirados, e o lar e o coração parecem tão vazios. A solidão, afinal, não tem muito a ver com a velhice, porque muitos jovens são terrivelmente solitários e têm saudades de casa quando estão entre estranhos fora de casa. Há, porém, a solidão da velhice, quando o companheiro de vida se foi, e tantos velhos amigos faleceram.

No outro dia na lavanderia eu estava tentando escrever uma carta, mas uma senhora idosa muito faladora derramava seu coração e história de vida para uma mulher ao seu lado. Mais tarde, depois que essa mulher partiu, eu disse à sua amiga ouvinte: “Sua amiga certamente gostou de conversar com você”. Ela respondeu: “Ela não é minha amiga. Nunca vi essa mulher antes, mas ela parecia tão terrivelmente solitária e disse que não tinha ninguém com quem conversar. Então, pensei que poderia fazer um pouco de bem sendo apenas uma ouvinte e deixando ela desabafar”. Você já fez isso alguma vez por alguma pessoa solitária?

A solidão da qual Jesus fala em João 16:32 é a solidão da liderança, e Ele conhecia muito bem o que significava. A Palavra de Deus diz: “Muitos dos seus discípulos tornaram para trás, e já não andavam com ele”.[7]

Há também a solidão de ser mal compreendido. E há vários outros tipos de solidão que podem acometer praticamente qualquer um. Há o desejo profundo do coração por alguém que o entenda e compartilhe dos seus interesses, e simpatize com eles, e divida suas alegrias e triunfos, tristezas e derrotas.

Vamos nos perguntar o seguinte: Por que temos este desejo tão enraizado em nós por sermos compreendidos? Por que temos este anseio intenso por alguém que nos entenda plenamente? Pergunto isto porque na verdade nenhum ser humano jamais o entenderá plenamente. Nenhum mortal vivente pode jamais entrar no mais profundo recesso de sua mente, coração e alma. Há sempre uma porta trancada na qual ninguém mais entra a não ser você mesmo.

Se isto é verdade, então cometeu Deus algum tipo de erro que deixaria tal vazio na maneira como fomos feitos? Ele tomou providências para as outras ânsias da vida. Será que a alma deve ficar insatisfeita, e esse desejo de verdadeira satisfação não ser satisfeito? Quero responder a isto e permitir que o absorva em seu coração.

Deus sabia que quando você visse que o amor e a compreensão humana são tão deficientes, você O buscaria, pois o próprio Deus é a resposta, a realização. Somente Ele pode preencher o anelo do nosso coração. Você nunca estará satisfeito sem Ele; nunca estará livre da solidão até que Ele preencha sua vida. Deus sabia que esta sensação de isolamento, de não ser compreendido, o levaria até Ele.

A Palavra de Deus diz que “Cristo é a porção que satisfaz,” e Ele satisfará todos os desejos do seu coração.[8] É real! Milhões de pessoas dão testemunho disto hoje. Deus é grandioso o suficiente e grande o bastante para preencher sua alma.

Deixe Ele entrar em seu coração solitário e então você poderá dizer, assim como Jesus disse, “Eu não estou só, porque o Pai está comigo.”—Virginia Brandt Berg

*

Estou mais próximo do que você ousa acreditar, mais próximo do que o ar que respira. Normalmente, você não está ciente de estar envolto em ar porque ele é invisível e está constantemente disponível para você. Da mesma forma, a Minha Presença invisível é uma constante em sua vida, mas você muitas vezes não Me reconhece. Isto o deixa vulnerável à solidão. Se você pudesse sempre reconhecer a Minha Presença, nunca mais se sentiria só.

Eu desejo profundamente que você sinta como estou próximo—e a satisfação e paz que isso traz—mais consistentemente. Existe uma estreita conexão entre sentir-se só e não ter consciência da Minha Presença. Este é um problema antigo: quando o patriarca Jacó estava em um lugar deserto—longe de sua família—ele estava bastante consciente de seu isolamento. Entretanto, derramei a Minha Presença sobre ele na forma de um sonho glorioso. Quando Jacó acordou, ele reagiu: “Certamente o Senhor está neste lugar, e eu não tinha consciência disto”.

Estar ciente da Minha Presença constante o protegerá da solidão. Não apenas estou constantemente com você, mas também estou em você: no recôndito do seu coração e mente. Meu conhecimento de você é perfeito, e cercado de amor incondicional.

Que os sentimentos de solidão o lembrem que você precisa buscar a Minha Face. Venha a Mim com o seu vazio tão humano, e a Minha Presença divina o preencherá com uma Vida abundante!—Jesus[9]

*

Há um mistério nos corações humanos
Que mesmo cercados de uma multidão
Aqueles que nos ama, e a quem amamos,
Todos passamos, de tempos em tempos,
Por um sentimento de grande solidão.
Nosso amigo do peito não conhece nossa alegria
E não consegue entender nossa tristeza.
“Ninguém consegue realmente me entender,
Ninguém sabe bem como me sinto.”
E assim clamamos, eu e você.
Vagamos por um caminho solitário,
Não importa como seja nossa vida.
Sem entender nosso próprio coração,
Vivemos assim na própria solidão.

E sabe por que razão isto é assim?
Porque o Senhor deseja o seu amor, assim como de mim.
Ele quer ser o primeiro em cada coração;
Por isso guarda a chave secreta Consigo,
Para abrir cada recanto e abençoar,
Com a Santa paz e perfeita compreensão,
Cada alma solitária que O busca.
Então, quando sentirmos esta solidão
É a voz de Jesus dizendo, “Venha a Mim”.
E sempre que não formos compreendidos,
É uma chamada para voltarmos a Ele sim;
Porque só Cristo pode satisfazer a alma,
E quem anda com Ele dia após dia,
Sempre terá a Sua companhia.

E quando cair por conta de uma cruz pesada
E disser, “Não consigo sozinho carregar”,
Diz a pura verdade. Cristo permitiu por uma razão
Que fosse assim pesado, para você O buscar.
A amarga tristeza que ninguém entende
Transmite uma mensagem secreta do Rei
Que implora para voltar para Ele outra vez.
O “Homem experimentado em tristeza” tem compaixão.
Em tudo foi tentado, Ele sente junto com você.
Ele está sempre à sua disposição.
O Filho de Deus é infinito em graça,
Sua presença satisfaz a alma solitária,
E quem anda com Ele dia após dia
Sempre terá a Sua companhia.

—Autor desconhecido (em tradução livre)[10]

Publicado no Âncora em fevereiro de 2022.


[1] Salmo 25:16.

[2] Salmo 25:21.

[3] Provérbios 18:24.

[4] João 15:13–15.

[5] Mateus 28:20.

[6] https://www.gotquestions.org/loneliness.html.

[7] João 6:66.

[8] Lamentações 3:24; Salmo 145:16.

[9] Sarah Young, Jesus Lives (Thomas Nelson, 2009).

[10] “A Solitary Way,” autor desconhecido. Publicado na Union Conference Record, Sydney, Austrália, 1908.