tfionline Faça seu login

Março 5, 2019

O Amor Lança Fora o Temor

Compilação

[Love that Casts Out Fear]

“Perfeito amor lança for a o temor.” Você não gostaria de usar algo para expulsar todo o medo? … Tememos a rejeição, de modo que seguimos a multidão. Tememos não ser aceitos na turma, então usamos drogas. Tememos nos destacar dos outros de forma que nos vestimos igual a todo o mundo. Tememos dormir sozinhos, então dormimos com qualquer pessoa. Tememos não ser amados, então buscamos o amor nos lugares errados.

Mas Deus acaba com esses medos. As pessoas que estão saturadas do amor de Deus não se vendem para conquistar o amor dos outros. E nem mesmo para conquistar o amor de Deus.

Você acha que precisa? Acha que, Se eu disser menos palavrões, orar mais, beber menos, estudar mais ... se me esforçar mais, Deus vai me amar mais? Dá pra sentir como isso cheira mal, cheira a Satanás por trás dessas palavras. Todos precisamos melhorar, mas não temos que conquistar o amor de Deus. Mudamos porque já temos o amor de Deus. O perfeito amor de Deus.

Amor perfeito é simplesmente isto—perfeito, um conhecimento pleno do passado e uma perfeita visão do futuro. Não tem como você chocar Deus com suas ações. Você nunca conseguirá espantar Deus. “Puxa, viu o que ela acabou de fazer?” ... Deus conhece toda a sua história, desde  sua primeira palavra até ao último suspiro, e declara depois de avaliar claramente: “Você pertence a mim.”

O que você faz pode chocar você, mas não a Deus. Ele Se comprometeu com você mesmo tendo pleno conhecimento de sua vida imperfeita. … Veja o que o amor perfeito faz, expulsa o medo do julgamento. De fato, elimina o medo do dia do julgamento. Como João escreveu: “O amor é perfeito em nós, para que tenhamos coragem no dia do juízo; porque assim como Ele é, nós somos também neste mundo.”[1]Max Lucado[2]

Fé versus medo

As duas maiores fontes de medo e preocupação são o passado e o futuro—remorso do passado ou medo do futuro—e a Palavra de Deus nos proíbe de nos preocuparmos com isso. Se você está no Senhor, então é filho dEle e não precisa se preocupar com nada.

A preocupação é um sinal de medo, e medo não é fé. “Se estamos com medo, é porque tememos aquilo que Ele poderia nos fazer,”[3] e a falta de fé pode ser uma coisa terrível e assustadora. Mas fé em Deus, confiança em Deus, traz um sentimento de descanso para o corpo, paz de espírito, contentamento no coração e bem-estar espiritual. A fé impede o medo. “Não se perturbe o coração de vocês. Creiam em Deus; creiam também em Mim.”[4] Quando você começa a ter fé para de se preocupar! Se estiver confiando no Senhor, sabe que Ele vai cuidar de você e que não tem que se preocupar.

“Porque Deus não nos deu o espírito de temor, mas de fortaleza, e de amor, e de moderação.”[5] Então entregue o seu caminho, sua vida, sua mente, seus pensamentos e o seu tempo ao único e sábio Deus, nosso Salvador! “Entregue suas preocupações ao Senhor, e Ele o susterá.”[6] Os ombros dEle são largos o bastante para levar qualquer carga!—David Brandt Berg

Permanecer no Seu amor

“Nisto é perfeito o amor para conosco, para que no dia do juízo tenhamos confiança; porque, qual ele é, somos nós também neste mundo. No amor não há temor, antes o perfeito amor lança fora o temor; porque o temor tem consigo a pena, e o que teme não é perfeito em amor.”—1 João 4:17–18

“Nisto” é uma referência ao que precede, que está no versículo 16b: “Deus é amor; e quem está em amor está em Deus, e Deus nele.” Então, “Nisto,” ou seja, o fato de estarmos no amor para estarmos em Deus e Deus em nós, “é perfeito o amor para conosco.” João disse o mesmo no versículo 12: “Se nos amamos uns aos outros, Deus está em nós, e em nós é perfeito o Seu amor.”

Martyn Lloyd-Jones escreveu, “Viver em amor é a prova final de que Deus vive em nós e nós estamos em Deus.” Poderia-se dizer que Deus é o lar da pessoa, e assim como a maioria das pessoas prefere estar em casa mais do que em qualquer outro lugar, o cristão deseja Deus acima de todas as coisas...

Como o amor é aperfeiçoado nos crentes? Através das provações, tribulação e perseguições. Os cristãos são colocados à prova por outras pessoas. Será que vão amar aqueles que os odeiam e lhes fazem mal? Ou vão retribuir o mal com o mal e guardar rancor? Será que vão servir o seu semelhante e cuidar dos outros, ou simplesmente encher suas cabeças com doutrinas e serem frios nas suas afeições?

Está claro que a boa obra que Deus começou no Seu povo, começando da salvação, é uma obra que Deus vai aperfeiçoar com o tempo até o dia de Jesus Cristo.[7] Isto quer dizer que o propósito final da salvação não é para o crente apenas morrer e ir para o céu, mas sim que Deus tem um propósito contínuo na salvação. Afinal de contas, depois de serem salvas, a maioria das pessoas vive por fé e é encorajada pelas Escrituras a crescer na fé—crescer em santidade ... Com o tempo, o amor de Deus é aperfeiçoado nelas—através de todos os tipos de problemas pessoais.

Uma das certezas reveladas a todos que leem as Escrituras é que todos vão encarar o Juiz no dia do julgamento após sua morte. Para os que não creem, este é um dia temível, e a maioria se recusa até mesmo a pensar nisso. Mas os que creem em Cristo não têm nada a temer, porque “o perfeito amor lança fora o temor”. Na verdade, eles têm “confiança no dia do julgamento” porque a presença de Deus em sua vida aperfeiçoou seu amor com o tempo. Assim como Deus é, o Seu povo é—aperfeiçoado pelo amor! Os que creem sabem que os seus pecados foram julgados na cruz e que Deus está continuamente com eles. Isto é evidenciado pela sua fé em Cristo e no seu amor uns pelos outros ...

Portanto, se o perfeito amor lança fora o temor, então nós, povo de Deus, devemos nos certificar de que não tememos nada que o mundo posso lançar sobre nós. Se o nosso tempo na terra é conhecido de Deus—desde o dia que nascemos até ao dia de nossa morte—não temos nada a temer porque amamos a Deus. Na verdade, cada dia é um dia de regozijo, porque o amor de Deus é aperfeiçoado em nós, tornando-nos cada vez mais santos.—Dr. D. Lance Waldie[8]

Publicado no Âncora em março de 2019.


[1] 1 João 4:17, Sociedade Bíblica Britânica.

[2] Max Lucado, Come Thirsty (Thorndike Press, 2005).

[3] 1 João 4:18, Bíblia Viva.

[4] João 14:1, NVI.

[5] 2 Timóteo 1:7.

[6] Salmo 55:22.

[7] Filipenses 1:6.

[8] http://www.harvestbiblechurch.net/blog/perfect-love-casts-out-fear.